Um pouco de tudo

Passeios de moto em São Paulo (01)

 

Confesso que sempre gostei de moto. Talvez pela imagem que a moto passa de liberdade, sem fronteiras. Gosto de passear de moto, mas morando numa cidade cada vez mais caótica como São Paulo tira completamente minhas opções de passeios curtos e tranquilos.Também não disponho de uma moto grande, uma Custom por exemplo, que pudesse sair pelas estradas até que boas da região. A minha é uma Street bem básica.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Mas a capital e sua região metropolitana é realmente completa. Aqui temos todos os tipos de situações e características. Alguém imagina que existam chácaras com vacas e cavalos em São Paulo? Que aqui temos balsas para a travessia de carros? Quem temos uma comunidade indígena preservada na capital? Que existe um mirante na cidade de onde é possível se ver o mar de Itanhaém? E só falei de coisas na região Sul da cidade. Tem o Horto Florestal e a Cantareira, o pico mais alto da cidade… bom, há muita coisa para se ver sem ir muito longe e a idéia é de vez em quando postar algo aqui também do que fiz.

Meu primeiro passeio foi bem simples, um bate e volta praticamente, para comemorar a passagem com louvor da moto por mais uma inspeção veicular da cidade. Meu destino: a “terceira” balsa da represa Billings. Nem sei se a chamam assim mesmo, ou simplesmente é a balsa do Riacho Grande. O fato é que existem 3 balsas na região, uma pros lados de Eng Marsilac (que conheço como 1a. balsa), uma para acesso a ilha do Bororé (2a. balsa) e essa aqui no Riacho Grande. Riacho Grande é um distrito do município de São Bernardo do Campo.

Essa região serviu por por muitos anos como área de pousadas para os viajantes entre o planalto e o litoral paulista de fácil acesso pela Rod. Anchieta. Além da Balsa, outras opções por perto temos o Rodoanel Mario Covas, o Parque Estoril (que possui um Zoológio) e a Rodovia Caminho do Mar (a antiga estrada Velha de Santos). Tem um passeio a pé nessa estrada que está fechada no trecho da serra.

Sobre as balsas, elas são de graça para nós e funcionam 24 horas. São bancadas pela EMAE, a empresa de águas e energia responsável pela inundação da região por conta da represa. A minha idéia será fazer mais passeios nessa região inclusive atravessando as balsas para sair em Parelheiros. Postarei aqui conforme eles acontecerem.

Anúncios

2 Respostas

  1. marcos

    S.Carlos/Sp tem um point magnifico para motociclistas. chama-se Bitnit

    janeiro 17, 2013 às 9:57 pm

  2. Pingback: Passeios de moto e carro por São Paulo – 02 | Fabio Soares

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s